#6 O que eu penso sobre... Full Moon O Sagashite volume #1 - Arina Tanemura



Oi oi pessoal!!

Hoje eu tenho uma novidade para vocês! Como vocês devem ter visto no segundo post do Projeto BLC em uma das perguntas da TAG eu citei um mangá. Pois bem, a novidade é que além de livros o blog também irá falar sobre mangás e HQs, pois eles também são uma parte importante do mundo da literatura!

Muita gente nunca leu um mangá por diversos motivos, um deles é a dificuldade em entender como se lê, mas é fácil você basicamente vai ler da esquerda para a direita, de cima para baixo. Porque da esquerda para direita? Porque essa é a maneira oriental de se escrever, então mesmo que um mangá seja traduzido ele precisa seguir essa ordem e por isso os mangás traduzidos sempre vem com uma pequena ilustração orientando o leitor sobre a maneira certa. Mas não se preocupem, em um próximo post faremos uma tirinha especial em estilo mangá para vocês entenderem melhor.

Mas agora eu estou aqui para falar de um mangá que eu amo, inclusive é um dos meus favoritos: Full Moon O Sagashite, um mangá de sete volumes (está faltando um volume na imagem lá em cima) que eu vou ir fazendo um post para cada volume.


Título: Full Moon O Sagashite                   Título original: Full Moon Wo Sagashite     Autor: Arina Tanemura                             Editora: JBC                                     Volume: 1                                                     ISBN: 8577871649
Full Moon O Sagashite conta a história de Mitsuki Koyama, uma menina de 12 que é orfã e que depois de passar um tempo no orfanato é adotada pela avó materna. No orfanato ela conhece um garoto chamado Eichi Sakurai com quem ela faz amizade e acaba se apaixonando, sentimento este que é recíproco, só que o Eichi acaba sendo adotado por uma família americana que o leva para os Estados Unidos. No último dia dele no orfanato ele se declara para ela, mas tanto pelo nervosismo quanto pela tristeza de o ver partir a Mitsuki não consegue dizer que também o ama, mas mesmo assim eles fazem uma promessa de que mesmo longe um do outro ambos vão correr atrás de seus sonhos para que quando tornarem a se encontrar estejam cada vez mais próximos de realizá-los: o dele de ser astrônomo, e o dela de ser cantora.

Até ai tudo bem, só que a Mitsuki tem sarcoma, um tumor maligno na garganta que não só a impede de cantar como também põe sua vida em risco; mesmo assim ela insiste em não fazer a cirurgia que implicaria na retirada de suas cordas vocais pois assim seria impossível cumprir sua promessa e encontrar com o Eichi, pois ser uma cantora mundialmente famosa é a única forma de ela conseguir entrar em contato com ele, já que nunca mais conseguiram se falar desde então. 

Mas não pensem que a Mitsuki é mimizenta! Muito pelo contrário, ela sempre tenta se manter positiva e correr atrás do seu sonho, pois logo no início da história ela se inscreve mesmo assim em uma audição realizada por uma gravadora e acaba sendo uma das selecionadas, mas como se já não bastasse a proibição médica, a sua avó que proibiu qualquer tipo de música na casa, também não permite que ela vá. Determinada a cumprir com a sua promessa, ela decide fugir de casa, mas enquanto pensava num plano em seu quarto aparecem dois shinigamis (deuses da morte) chamados Takuto e Meroko, que sem saber que ela conseguia os ver e ouvir acabam dizendo que lhe resta apenas um ano de vida e que a missão deles é ficar por perto pois foram informados de que existe alguém tentando impedir a morte dela.

Meroko e Takuto
Como vocês podem ver na imagem, a Meroko possui orelhas de coelho e o Takuto de gato e segundo eles isso é porque os shinigamis são divididos por alas e eles fazem parte da ala pediátrica, por isso do visual mais fofinho.

Enfim, após muita confusão da Mitsuki fugindo deles para ir ao teste, o Takuto decide ajudá-la para que assim quando chegar a hora ela não possua nenhum arrependimento facilitando assim a sua partida, por isso com os seus poderes ele muda a aparência dela graças a uma pílula especial feita com o seu sangue graças a qual sempre que ele der o comando ela muda de forma para uma aparência de 16 anos de idade e loira além de nessa forma não ter nenhum problema na garganta podendo assim cantar com toda a sua potência vocal.
Com isso ela acaba passando no teste e ai surge a Full Moon, pseudônimo adotado por ela usando o significado de seu nome, já que assim como Full Moon, Mitsuki também significa lua cheia.


Quando surge a Full Moon

Falando em lua cheia, a tradução do nome do mangá significa "em busca da lua cheia" e todas essas referências possuem uma explicação com o desenrolar da história, o que aliás eu achei muito legal!

Sobre o mangá em si eu posso dizer que a história é muito bem contada e não perde em nada para os romances encontrados em livros, aliás eu realmente acredito que ele chega a ser superior a algumas histórias que vemos por ai.

O traço da autora é muito fofinho e delicado, tornando a história ainda mais meiga. Por mais que ela seja uma história complexa em certos pontos e dramática num geral, ela possui também vários pontos cômicos que a tornam ainda mais cativante!

Eu também gostei bastante da edição, tanto na qualidade das páginas quanto a da capa; além de que ele é um mangá mais grossinho, o que aliás eu prefiro assim, tendo vários capítulos por volume.
Capa do primeiro volume
Esse mangá também tem anime, que aliás eu super recomendo. Apesar de no mangá ter bem mais detalhes sobre a história e ter uma coisa ou outra diferentes, o anime ficou muito bom e captou bem a essência da história. Também recomendo o anime justamente por ser uma história musical, é muito bom poder ouvi-la cantar, ainda mais com a voz que colocaram para ela, ficou linda!



Só para vocês terem uma ideia de como é: 





Bom pessoal, por hoje é isso! Espero que vocês não se importem de o post ter ficado gigante, mas é que eu acabei me empolgando com a ideia de falar sobre essa história que eu gosto tanto!

Se alguém se interessou pelo mangá ou pelo anime comente aqui as suas primeiras impressões quando for ler/assistir! E quem já conhece a história me diga o que acha dela!


Kissus kissus, e até o próximo post!! o/



Juh

4 comentários

  1. Adorei.. :3

    http://am0r-0taku.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Diego Henrique Martinho13 de outubro de 2014 08:30

    Oi Ju!

    Não tenho muito costume de ler mangás, mas a sua dica foi ótima.

    Beijos

    Diego

    http://literamusicas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Que bom que gostou!


    Obrigado pelo comentário.
    Kissus :)

    ResponderExcluir
  4. Oi Diego!


    Sabe que mangás são bem legais? As histórias em sua maioria são realmente interessantes e tem para todos os gostos!


    Obrigado pelo comentário!
    Kissus :)

    ResponderExcluir

Todas as ilustrações utilizadas nesse blog são de autoria da ilustradora Duda Almeida. Tecnologia do Blogger.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...